Já está comprovado que ministrar palestras é uma das maneiras mais eficientes para ser reconhecido no mercado. Apesar disso, a insegurança ainda é a maior barreira para ganhar dinheiro como palestrante.

Se você quer aumentar seus ganhos, mas acha que não tem o dom para falar em público, saiba que é tudo uma questão de mudar o seu mindset.

Quer saber o que os palestrantes de sucesso fazem para atrair grandes audiências e faturar alto em suas palestras? Nos próximos tópicos, vamos revelar todos os segredos de como ganhar dinheiro como palestrante!

O que você deve entender para ter alguma chance de ganhar dinheiro como palestrante

No passado, para ir a uma palestra, era preciso desembolsar uma quantia considerável. Quando o palestrante era conhecido, tudo bem. Mas sempre havia o risco de investir em algo que poderia não trazer retorno.

Hoje em dia, é muito comum a estratégia de oferecer palestras gratuitas, sejam presenciais ou online, pois a quantidade de informação disponível é tanta que os palestrantes se viram “obrigados” a compartilhar o seu conhecimento de forma gratuita para ganhar audiência.

Ou seja, a palestra não é mais o fim, é apenas um meio para captar clientes.

As pessoas têm desejos e querem alcançar metas na vida. Para suprir essas necessidades, elas compram produtos e serviços, porém, a conversão só acontece quando há confiança. Elas compram porque confiam no vendedor, no produto ou na marca.

Partindo desse princípio, levar informação à sua audiência é, talvez, a forma mais poderosa de conquistar a confiança das pessoas.

Existe a possibilidade de vender uma palestra como produto? Sim. Muitas empresas pagam para palestrantes, mas somente se eles forem vistos como grandes autoridades em seu ramo de negócio. Assim, o tempo e a informação que eles têm passaram a ser valiosos.

Mas com tantas informações disponíveis, a atenção também se tornou uma moeda de alto valor, por isso, você só poderá ganhar dinheiro como palestrante se tiver a habilidade de reter a atenção das pessoas.

Antes de fazer a primeira palestra, você precisa entender isso

Muito antes do discurso, da venda da sua ideia e da oferta, entenda quem é a sua audiência. Quais os desejos, as dores e os problemas das pessoas que vão te ouvir. Se não souber para quem vai falar e o que essas pessoas querem, será muito difícil conquistar a confiança delas para vender algo.

Aqui vai mais um alerta importante: ter um subnicho, um público-alvo, posicionamento de mercado e competência para falar com as pessoas nem sempre é o suficiente para  começar a ganhar dinheiro como palestrante, porque, provavelmente, sua ideia de negócio ainda não foi testada.

É importante que você já tenha uma prova de conceito, receba feedbacks e entenda se suas teorias e práticas funcionam para os outros. Uma vez comprovada a eficácia do seu método ou produto, aí sim, você pode se tornar um palestrante de sucesso.

Antes de escrever o primeiro parágrafo ou slide, faça uma pesquisa para ter uma ideia sólida sobre o público a ser alcançado, a fim de capturar a atenção dessas pessoas e, principalmente, construir um relacionamento com elas, pois é isso que vai despertar o desejo de saber mais sobre a sua oferta.

Os dois momentos cruciais que vão definir se a sua palestra será lucrativa ou no máximo vai render palmas

Ao pensar em fazer uma palestra, é preciso lidar com dois medos. O primeiro é de ninguém aparecer. E o segundo é o de não agradar ou ser julgado. Mas existem dois momentos que são cruciais para definir se a sua apresentação vai agradar e rentabilizar: o começo e o final da palestra.

O início da apresentação deve conter uma grande “promessa” para a plateia, por isso, é praticamente impossível fazer uma boa palestra sem saber quem é o público e o que ele espera de você. Essa promessa deve estar no título e mexer com o lado emocional.

O título serve para atrair as pessoas ao seu evento. Já a promessa serve para que elas queiram continuar ouvindo o que você tem a dizer.

O segundo momento crucial é a finalização, onde você terá a oportunidade de fazer uma oferta. Nem toda palestra termina com uma oferta, mas a conclusão deve ser igualmente impactante, de modo a causar uma reação no espectador. Do contrário, tudo o que você vai conseguir são algumas palmas e nenhuma venda.

O fato de uma pessoa permanecer cerca de uma hora te ouvindo já demonstra que ela possui algum interesse. Assim, mesmo não havendo a intenção de fazer uma oferta explícita, o final da palestra deve ser utilizado para dar continuidade ao relacionamento com seus espectadores.

Como fazer isso? Faça uma chamada para a ação que leve as pessoas a manter contato com você e conhecerem seu site ou produto, pois quem ficou até o final estará muito mais propenso a se tornar um cliente.

Segredos dos maiores nomes do mercado: como fazer palestras que geram dinheiro de verdade

Os grandes nomes do mercado têm alguns segredos para fazer palestras que encantam e deixar a audiência querendo mais. Veja quais são eles:

1. Conheça seu público

Conhecer a fundo seu público permite formular uma promessa arrasadora — aquele título de palestra que é impossível ignorar. Isso garante que você ganhe a atenção da sua audiência.

2. Use o poder do storytelling

O ser humano tem mais facilidade para se comunicar e aprender por meio de histórias. Sabendo contar uma boa história, você prende a atenção, conquistando a empatia e a confiança do seu público ao mesmo tempo.

3. Não se preocupe tanto em ser didático

Geralmente, o professor não se preocupa em ensinar de forma lúdica, com brincadeiras e artimanhas para prender a atenção. É por isso que a maioria dos alunos acaba dormindo em sala de aula.

Já num curso, treinamento ou no cinema, ficamos 4 ou 5 horas sem sentir o tempo passar. Então, o bom palestrante é aquele que sabe conduzir e transmitir o conteúdo de uma forma não “professoral”, preocupando-se apenas em abrir a mente das pessoas, quebrar crenças e mostrar novas visões de mundo.

Esse é um segredo que poucas pessoas dominam, por isso, você, que está lendo este artigo, já estará vários passos à frente de outros profissionais e aumentará muito suas chances de ganhar dinheiro como palestrante.

4. Saiba criar ofertas irresistíveis

Uma oferta irresistível é aquela que se encaixa “como uma luva”, atendendo perfeitamente a uma necessidade específica, por isso, tem grande valor.

É quando você consegue “empacotar” um produto ou serviço de forma que ele pareça muito caro e, assim que a pessoa que está realmente interessada vê o preço, ela pensa: “perto do valor (benefício) que vou obter com a compra desse produto ou serviço, esse preço não é nada”.

5. Deixar o famoso “gostinho de quero mais”

Os grandes palestrantes não só conseguem prender a atenção, mas, também,  manter o relacionamento. Eles têm sempre um canal aberto para que os espectadores possam saber mais sobre o que foi apresentado, acompanhar o seu trabalho e participarem de novas apresentações.

Outro ponto que vale salientar é que quem assiste a uma palestra vem com uma certa resistência, pensando que o discurso só funciona para o palestrante.

O simples fato de se apresentar como palestrante já traz autoridade. Embora, teoricamente, ele tenha mais conhecimento ou experiência do que as pessoas que estão na plateia, cabe ao profissional demonstrar a sua vulnerabilidade, mostrar que ele é um ser humano de carne e osso que também já passou por dificuldades, e que, se ele conseguiu chegar até ali, qualquer pessoa pode fazer o mesmo.

A palestra é, portanto, uma oportunidade de demonstrar que é possível mudar de vida ou alcançar objetivos usando seu método ou produto.

Por onde começar (sem ter que investir grandes recursos financeiros)

O medo de falar em público é um dos mais primitivos do ser humano, e a origem desse grande medo é que ninguém gosta de ser julgado ou rejeitado. Na idade da pedra, nossos antepassados já tinham a necessidade de permanecer em grupo para sobreviver, de modo que ser rejeitado era quase uma sentença de morte.

Entretanto, é preciso entender que o foco em uma palestra é o seu público, e não você mesmo. Uma vez que você mudar o foco, sua insegurança diminui.

Outra coisa que é necessário compreender para ganhar dinheiro com palestras é que não é preciso ter uma multidão na plateia logo de cara. É até recomendável começar com pequenas audiências, sem investir muito para isso.

Se sua ideia é promover um evento presencial, além de conhecer muito bem sua audiência, saiba também quais são os locais que ela frequenta. Use o seu networking para entrar em contato com organizadores de eventos, donos de empresas ou associações. Demonstre que tem algo de valor para entregar ao público que ele reúne. Dessa forma, as chances desses empresários apoiarem a sua iniciativa serão muito maiores.

No meio digital, temos plataformas de transmissão gratuitas ou com custos muito baixos. Isso sem falar nas redes sociais, às quais todo mundo tem acesso. Além de muito fáceis de usar, tais soluções não exigem deslocamento e permitem alcançar um público muito mais abrangente. E a divulgação também é muito mais prática e sem custos.

Conclusão

A palestra é, sem dúvida, uma das formas mais rápidas de conquistar autoridade no mercado. Este artigo trouxe argumentos suficientes para você superar o seu medo de falar em público e alcançar a posição de destaque que tanto merece, ganhando dinheiro como palestrante.

Você pode começar hoje mesmo a testar a sua solução e verificar se existe uma demanda para ela. Depois, é conhecer seu público-alvo e se preparar para entregar o melhor conteúdo a ele!

Pretendendo mudar de vida ou melhorar suas habilidades profissionais? Assine a nossa newsletter e acompanhe nossos posts com muitas outras dicas!