Quantas vezes você já precisou da ajuda de alguém mais experiente para fazer algo? Seja no trabalho ou na vida pessoal, não é raro precisar de uma orientação mais direcionada para alcançar um objetivo.

O profissional capacitado a dar tal orientação é o mentor. Ele oferece suporte às pessoas que desejam seguir um caminho parecido com o que ele já trilhou.

Atuar como mentor é uma ótima alternativa para quem deseja viver do seu conhecimento, porque você não precisa de nada além da sua experiência. Outro ponto positivo é que é um trabalho que pode ser feito via internet.

Quer saber mais sobre o que é ser um mentor e como fazer mentoria online? Neste artigo, contamos tudo para você!

O que é mentoria?

Mentoria, na concepção da palavra, é aplicar seu conhecimento para auxiliar outras pessoas a evoluírem numa competência que você já tenha desenvolvido e alcançar resultados que elas ainda não conseguiram por conta própria.

Para ser um bom mentor, é muito importante ser específico, pois é muito difícil atuar em áreas abrangentes (mentor de vida, por exemplo). Isso exige grande autoridade na área.

Por outro lado, tendo um nicho bem definido, é possível até orientar pessoas com mais experiência ou conhecimento geral que você, mas que necessitam de um apoio maior na sua especialidade.

Mas como fazer mentoria na prática? Existem diversas maneiras de prestar serviços como mentor. Mas a melhor delas é desenvolvendo a sua própria metodologia, o que significa elencar os processos e obstáculos do seu cliente em potencial e criar estratégias para superá-los.

Ao criar um método de trabalho novo, você terá de fazer vários testes (a chamada prova de conceito) repetindo o que der certo e eliminando o que não for efetivo.

Além disso, é importante ressaltar que o processo de mentoria é essencialmente prático. A teoria pode até ser usada como base, no entanto, para ser eficiente, é preciso ter ações concretas.

Quem pode ser mentor? Veja se você se encaixa nesse modelo

Praticamente qualquer pessoa pode se tornar um mentor, porque o ser humano é tão complexo em suas necessidades, problemas e desejos, que é quase impossível que uma pessoa não tenha algo para ensinar.

Mesmo não sendo uma grande autoridade ou tendo um vasto conhecimento do assunto, se você focar em algo que goste, é possível adquirir as habilidades de uma forma muito rápida, fazendo com que seu trabalho tenha valor para outras pessoas.

Tudo o que você tem a fazer é focar em um nicho de mercado específico, o qual você possa estudar em profundidade e analisar com detalhes quais são as necessidades do público que se encontra neste segmento.

Então, o que vai definir a qualidade do seu desempenho como mentor não são os seus certificados ou formação acadêmica. Mas sim o seu interesse em ajudar as pessoas a resolver seus problemas e a sua força de vontade de criar um negócio próprio que tenha como eixo central compartilhar o seu conhecimento.

No entanto, é indispensável ter um autoconhecimento para entender qual o nicho e o modelo de negócio em que você se encaixa melhor, pois só assim você conseguirá se aprofundar na área e ter sucesso.

Como fazer mentoria online: ferramentas que permitem atender pessoas no mundo todo

Muitas pessoas têm curiosidade sobre como fazer mentoria online. Esse formato é o mais utilizado atualmente graças à tecnologia, poupando muito tempo dos mentores e dos mentorados.

É só fazer uma breve pesquisa na internet para ver que há uma gama enorme de plataformas que facilitam essa interação, como Skype e Hangouts.

Porém, recomendamos realizar sua mentoria online por meio de uma plataforma chamada Zoom, pois ela possui um recurso nativo que permite a gravação das sessões automaticamente.

Assim, dá para disponibilizar os vídeos após o término das sessões, para que o cliente possa consultar depois. Certamente, isso agregará valor à sua oferta e deixará o mentorado mais seguro, por poder rever todas as dicas e as trocas de ideias.

Além disso, de acordo com testes que realizamos, o Zoom oferece uma estabilidade maior que o Skype, podendo ser acessado via celular também. Com isso, você garante mais segurança e eficácia no atendimento aos seus mentorados.

Ao apostar no modelo de mentoria online, sua única preocupação será ter uma boa conexão de internet, evitando surpresas desagradáveis, como interrupções de sinal ou chamadas ruins.

O que o cliente espera de uma mentoria

Existe uma crença de que o mentor deve ser uma espécie de “guru”, que detém todas as respostas, o que não é verdade.

Esqueça a ideia de que é necessário ser um mestre ou ter muitos anos de atuação na área — se tiver, é um ponto a seu favor, mas não é o principal.

A expectativa do cliente é que o mentor consiga ajudá-lo a atingir um objetivo que ele ainda não conseguiu sozinho. E dá para fazer isso sem ser uma autoridade ou um influenciador digital. Basta você você ajudar seus mentorados a evoluir para o próximo passo na jornada deles.

Como vender mentoria

Conforme já esclarecemos, a mentoria pressupõe que você utilize sua experiência profissional e de vida a fim de potencializar ou capacitar outras pessoas.

Considerando que você já tenha passado pelos mesmos problemas ou situações que o seu mentorado deve passar, uma forma muito interessante de vender a sua oferta é fazer contato direto com o potencial cliente, que pode ser por telefone ou videoconferência.

O propósito desse primeiro contato é entender a real necessidade dele e saber se você está capacitado para ajudá-lo.

Pense que, normalmente, quando alguém busca um mentor é porque precisa resolver um problema. Logo, em uma conversa por telefone ou vídeo, haverá muito mais possibilidades de demonstrar seu conhecimento.

Consequentemente, as chances de finalizar o contato com uma venda são muito maiores, pois já se estabeleceu uma relação de confiança entre você, mentor, e o seu mentorado.

Como garantir resultados extraordinários para seus mentorados

Uma vez feito o investimento em uma mentoria, é comum que os mentorados esperem retorno imediato. Contudo, na maioria das vezes, não é assim que acontece.

Não adianta pagar academia e não fazer os exercícios, porque os músculos não vão aparecer, certo? Em um processo de mentoria, é a mesma coisa.

Assim, a única forma de garantir resultados extraordinários para seus mentorados é fazendo um acompanhamento muito próximo, pois é fundamental que ambos os lados cumpram as suas obrigações.

O cliente deve cumprir os desafios propostos pelo seu programa de mentoria. E você, como mentor, fazer follow-up sempre que necessário e coletar feedbacks para melhoria.

É preciso ressaltar, também, que, dentro de um processo de mentoria, você jamais pode fazer as tarefas pelo mentorado. E aí, vai depender da sua estratégia de ensino e cobrança para incentivá-lo a agir e colher os resultados que ele tanto espera.

Como tornar seu negócio de mentoria uma máquina de fazer dinheiro e impactar pessoas

Você já entendeu como fazer mentoria online, mas ainda falta um ponto importante: qual o segredo para ter um negócio de mentoria lucrativo e impactar a vida das pessoas? Anote aí três dicas essenciais:

1. Resolva muito bem um problema

Quando falamos em resolver bem um problema, não dá para ser genérico. Como dissemos logo no início do artigo, para ser um bom mentor, você tem de ser específico, o que significa que é preciso ter um subnicho — um nicho dentro do nicho.

Imagine que você está desenvolvendo uma mentoria para pessoas que desejam emagrecer. Existem dezenas de motivos que impedem as pessoas de perder peso, certo? Será que você seria bom em resolver todos eles? Provavelmente, não.

Portanto, para tornar seu negócio de mentoria uma máquina de fazer dinheiro, é preciso se especializar.

2. Use a internet para alcançar pessoas

Fazer mentoria online é a melhor maneira de escalar a quantidade de clientes. Mas só se você souber usar as ferramentas digitais para atrair pessoas interessadas nos seus serviços e fazer com que elas entrem em contato com você.

Dessa maneira, se você ainda não domina ferramentas como sites, blogs, redes sociais e mensageiros instantâneos, é hora de investir nesse aprendizado.

3. Mostre resultados concretos

Finalmente, você só vai ter um negócio de mentoria online de sucesso se gerar bons resultados.

Uma vez que você desenvolva o seu próprio método e prove que ele gera resultados positivos, haverá mais gente falando bem dos seus serviços e querendo experimentá-lo.

Isso vai aumentar consideravelmente suas oportunidades de negócio, tornando-o mais lucrativo.

8. Conclusão

São muitas as razões pelas quais se pode procurar um mentor: adquirir novas habilidades e conhecimentos, melhorar a performance no trabalho ou ter mais qualidade de vida são alguns exemplos.

Cabe a você identificar o nicho de mercado com o qual tem mais afinidade e desenvolver seu método de trabalho de forma que ele traga uma transformação real para os seus mentorados.

Agora que você já sabe o que é e como fazer mentoria online, não deixe de conferir 7 exemplos de mentoring para você se inspirar!