Na internet, tem muita gente ensinando como criar um blog para ganhar dinheiro, e dizendo que é possível ficar rico com isso.

Aqui na BMind, pensamos um pouco diferente. A gente até acredita que é possível ganhar dinheiro com um blog, mas ele não é o melhor caminho para quem quer começar um negócio digital do zero.

Por que contrariamos essa teoria tão difundida pela maioria dos empreendedores digitais? Porque, antes de qualquer coisa, é preciso ter uma oferta (serviço) e encontrar um público que esteja disposto a adquiri-la.

Na etapa inicial, testar a sua oferta pode trazer mais resultados do que gerar conteúdo, ainda que ele seja relevante e possa gerar tráfego para o seu site. Portanto, se você está pensando em criar um blog para ganhar dinheiro, veja abaixo como é possível se dar bem de verdade com essa estratégia.

Como funciona a estratégia de um blog

O blog é um dos principais canais utilizados para atrair potenciais clientes para o seu negócio. Com a publicação de artigos, você pode ajudar as pessoas a encontrarem a solução para um problema e demonstrar que possui conhecimento sobre o assunto. Existem 2 tipos de conteúdo num blog:

  1. Noticioso - informações com validade muito curta e baseadas em fatos;
  2. Perpétuo (evergreen) - são informações que não perdem a validade e podem ser úteis a qualquer momento.

Para ganhar dinheiro com seu blog, você deve apostar mais no conteúdo evergreen. Veja como isso funciona na prática: vamos supor que o seu cliente esteja buscando na internet informações sobre como se tornar um coaching.

A busca retornará com dezenas de conteúdos com o objetivo de responder a essa questão. Estes são conteúdos evergreen, ou seja, sempre terão validade, não importa a data em que sejam lidos.

O blog é considerado o primeiro meio de contato do cliente com a sua empresa. Através do conteúdo apresentado nele de forma gratuita, é possível levar conhecimento à sua audiência e demonstrar que você realmente tem a solução que ela está buscando.

Mas, como tudo na vida, leva tempo para provar que a sua solução é a ideal. É como um relacionamento entre duas pessoas: você não pode chegar em alguém que acabou de conhecer e pedir em casamento.

Se o objetivo final do blog é vender o seu produto, por meio de um artigo você começa a “trocar olhares”, iniciar um bate-papo para depois evoluir para um namoro, noivado, até chegar em um casamento, que, nesse caso, é a conversão.

Dessa forma, o objetivo principal do blog é estabelecer um relacionamento com a sua audiência para que ela consiga perceber o valor da sua oferta e, depois, com as técnicas do Inbound Marketing, transformar seus visitantes em clientes.

Quanto custa ter um blog

O blog é uma das formas mais fáceis e baratas de disseminar seu conteúdo online. O custo para criação de um canal como esse deve considerar:

  • Registro de domínio (endereço do seu site na web): cerca de R$ 40 por ano.
  • Hospedagem (servidor que vai hospedar o conteúdo): entre R$ 20 e R$ 40/mês.
  • Plataforma (ferramenta utilizada para criar a página na web): existem algumas gratuitas e outras pagas. Nossa recomendação é utilizar o Wordpress, que é uma das melhores ferramentas disponíveis no mercado. Só que, para ter um site com domínio próprio, é necessário adquirir um dos planos pagos da plataforma.

O plano Premium, que é o mais popular, custa apenas R$ 26 mensais e vem com todas as ferramentas de design avançadas para a criação de um layout atrativo, otimização para SEO e ainda é compatível com Google Analytics, para que você possa acompanhar métricas de acesso, posts mais visitados etc.

Vale lembrar que sites com domínio próprio (seunome.com.br) têm muito mais chances de aparecer entre os primeiros resultados nas páginas de busca, pois o algoritmo do Google atribui maior autoridade a eles.

Outro item importante para a construção do seu blog é o uso de imagens para tornar seu conteúdo mais atraente. Existem centenas de bancos de imagens pagos e gratuitos, de onde você pode utilizar imagens sem custo algum.

Confira alguns links que disponibilizam milhares de imagens free para você aplicar nos seus posts ou para incrementar o layout do seu site:

Ainda tem mais uma dica essencial que vai aumentar muito as suas oportunidades de ganhar dinheiro com um blog: o ideal é começar a captar leads logo de início, portanto, não abra mão de uma boa ferramenta de e-mail marketing. O MailChimp é uma ótima opção, pois seu plano gratuito oferece o disparo de até 2000 e-mails/mês.

O que é necessário para ter um blog

Além das questões mencionadas no item anterior, que são o domínio, hospedagem, plataforma, layout e imagens atrativas, é importante que você tenha um profundo conhecimento do seu nicho de mercado (devidamente afunilado em um sub ou micronicho).

Depois disso, é necessário apurar se existe demanda para o assunto específico que será abordado, o que pode ser feito por meio de pesquisas de palavras-chave e tendências, no Google Keyword Planner ou Google Trends, respectivamente.

Outra coisa fundamental para o sucesso desse canal é ter regularidade nas postagens. Com isso, as chances de conseguir ter uma audiência mais fiel e atrair novos visitantes são maiores, já que o Google e outras páginas de pesquisa online consideram a frequência de atualização como um dos fatores mais importantes para subir a sua página no ranking.

Como nós rentabilizamos nosso negócio no início, sem um blog

Se está começando um negócio e ainda não possui uma clientela, será muito mais difícil criar um blog e ganhar dinheiro com ele, justamente porque você ainda não sabe se o conteúdo vai ser realmente útil à sua base ou não — até porque, você ainda não tem uma base de clientes.

Durante 2 anos, a BMind não teve blog. Nossa estratégia foi focada no marketing direto e no tráfego pago, para que pudéssemos entender exatamente o comportamento da nossa audiência e saber qual solução poderíamos desenvolver para resolver a “dor” dessas pessoas.

Por que optamos por não começar com o blog? Porque, apesar de ser uma fonte de tráfego muito importante, o blog não é útil logo no início.

É essencial testar e lapidar sua solução com o público antes de começar a produzir conteúdo. Caso contrário, é como dar um tiro no escuro, pois você acabará não atingindo o público certo.

Priorizando esse contato direto com clientes, ganhamos muito mais conhecimento sobre as reais necessidades deles e, agora, temos a base necessária para criar conteúdo relevante, já com um produto pronto para o mercado e gerando receita.

Por isso, enfatizamos que o ideal é sempre ir atrás dos clientes. Foi assim que conseguimos rentabilizar nosso negócio sem ter um blog.

O que você pode fazer hoje para rentabilizar, mesmo sem  produzir nenhum conteúdo

Seguindo essa orientação, depois de definir um planejamento, ter a sua solução e o seu subnicho, você já pode ir ao mercado e tentar vender por meio da abordagem direta em redes sociais (Facebook, Instagram, Linkedin) ou então presencialmente, abordando as pessoas da sua rede de contatos, participando de eventos ou em associações que reúnam pessoas com o perfil de cliente desejado.

Use o seu tempo disponível para interagir com elas, entendendo a sua “dor” e colocando-se como uma espécie de médico, o profissional certo para curá-la.

Agindo dessa forma, você poderá atrair pessoas realmente interessadas na sua oferta.

Conclusão

Ter um canal permanente para divulgar conteúdo relevante sobre o seu negócio, ajudando as pessoas a resolver problemas, é uma das maneiras mais eficazes de gerar tráfego para o seu site e atrair novos clientes.

Porém, para ganhar dinheiro com um blog, é preciso muito mais do que produzir artigos e gerar tráfego. É necessário que a sua solução já esteja consolidada no mercado.

A produção de conteúdo leva tempo para dar resultados, além de ser uma forma passiva de atrair clientes. Portanto, se você está disposto a iniciar um negócio na internet, principalmente se for dentro do ramo de desenvolvimento pessoal, esperar que as pessoas cheguem até o seu conteúdo pode ser um “tiro no pé”.

O mais indicado é ser proativo, fazendo a abordagem direta. Hoje em dia, é muito fácil prospectar clientes por meio das redes sociais, como LinkedIn, Facebook e Instagram, basta fazer uma divulgação consistente nesses canais. Assim, você descobrirá usuários interessados na sua oferta e poderá abordá-los sem dificuldade.

Lembre-se, também, que, para ter um blog de sucesso e ganhar dinheiro com ele, é preciso ter profundo conhecimento do seu nicho de mercado e da sua audiência, o que você só conseguirá adquirir se tiver um contato direto com eles.

Assim, o blog deve ser considerado o último recurso para expandir sua base de clientes e escalar o seu negócio!

Quer mais dicas sobre como criar o seu negócio na internet e ganhar dinheiro com o seu conhecimento? Cadastre-se na newsletter da BMind e receba as nossas atualizações em seu e-mail!